Unesco promove atelier Regional sobre Mudança Climática dentro e fora das salas de aula

 A cidade da Praia acolhe de hoje a 23 deste mês um atelier Regional sobre Mudanças Climáticas dentro e fora das salas de aula. A iniciativa é promovida pela Comissão Nacional de Cabo Verde para a Unesco, em parceria com a Divisão de Políticas Científicas e Desenvolvimento sustentável secção das Pequenas ilhas e saberes Autóctones da Unesco e a Fundação Sandwacth.

O evento enquadra-se no âmbito do projecto intersectorial da Unesco intitulado “Educação sobre Mudança Climática para o Desenvolvimento Sustentável nos Pequenos Estados Insulares Africanos e Regiões Costeiras: Construindo a Excelência através dos Professores e Educadores”.

A abertura do evento esteve a cargo do ministro e Presidente da Comissão Nacional para a Unesco António Correia e Silva, que afirmou que essa Agência da ONU tem encarado o combate às mudanças climáticas, como sendo um acto multissectorial e multidisciplinar, mas neste combate “há um foco especial posto na educação escolar, extra-escolar e também na investigação”. 

Para isso, segundo Correia e Silva Correia, é preciso “municiar a nova geração de conhecimentos, mas não só, porque os conhecimentos sendo necessários, porém não chegam por si só, são precisos também valores e atitudes. A educação é a variável estratégica nesta batalha”.

Por seu lado, António Querido, chefe da Unidade de Ambiente, Energia e Prevenção de Desastres do PNUD que esteve presente no evento, adiantou que o combate às alterações climáticas bem como a preservação do ambiente “é uma responsabilidade intergeracional”, tendo acrescentado ainda, que as escolas devem trabalhar a vertente cidadania ambiental.

De realçar que para além dos participantes de Cabo Verde, o evento conta com educadores das ilhas Comores, Camarões, Nigéria, Senegal, Togo, Mali, Gâmbia, Gana, Mauritânia, S. Tomé e Príncipe e Guiné-Bissau.

© www.anmcv.com - 2010
Dom DigitalProduzido por Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.