Santa Catarina: Embaixada dos EUA financia reabertura da casa do Empreendedor da Universidade de Santiago

09 Dezembro 2015

Assomada, 09 Dez (Inforpress) - A Universidade de Santiago (US) fez hoje a reabertura da Casa do Empreendedor no campus de Bolanha, em Santa Catarina (ilha de Santiago), que desta vez conta com o financiamento da Embaixada dos Estados Unidos da América, em Cabo Verde.

A Casa do Empreendedor inaugurada em Junho de 2013 tem como objectivo fomentar e apoiar iniciativas empresariais dos estudantes e dos profissionais e assenta em três pilares, Empresa Júnior da Universidade de Santiago (EJUS), Centro de Capacitação e Promoção de Emprego (CCPE), e Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE).

Hoje, o embaixador Donald L. Heflin efectuou a sua primeira visita a US e na ocasião fez a reinauguração do espaço, conjuntamente com o reitor da Universidade, Gabriel Fernandes.

Segundo Gabriel Fernandes, o financiamento da Embaixada fez com que a Casa do Empreendedor fosse realidade, com novos equipamentos, e com novos projectos, que vão ajudar os estudantes a serem agentes de transformação, em vez de ficarem acomodados à espera de oportunidades.

“Pretendemos preparar os nossos estudantes para assumirem o empreendedorismo, mas também para encarrar os desafios e as exigências do mundo laboral, cada vez mais competitivo, e cada vez mais complexo e exigente”, disse.

Afirmou que além dos estudantes, a Casa do Empreendedor também vai apoiar os empresários locais e não só, disponibilizando serviços voltados para a melhoria da prestação de serviços, de assessoria, de formação e de estudos no sentido de aproveitaram as oportunidades de negócios e a se “prepararem para enfrentar uma ordem social competitiva”.

Para o embaixador Donald L. Heflin as universidades não são apenas uma academia, mas sim são líderes em qualquer sector da comunidade, e em particular, disse, a US “é um líder da transformação da economia desta região”.

Por isso, garantiu que a Embaixada dos Estados Unidos vai trabalhar no futuro com a universidade e com o povo do interior de Santiago para o desenvolvimento da economia.

“É um financiamento muito importante, porque o futuro da economia de Cabo Verde é o futuro da economia competitiva a nível mundial, especialmente nos sectores de serviços técnicos, profissionais, de negócio e os empresários especialmente os jovens empresários vão ser os líderes da transformação da economia de Cabo Verde”, sublinhou.

A Casa do Empreendedor tem como principais actividades, formações técnicas e comportamentais, Incubação de Empresas, que possibilite a integração da empresa no mundo dos negócios sob o suporte de profissionais, além de consultorias financeira, jurídica e tecnológica às micro, pequenas e médias empresas particulares e instituições públicas.

AM/FP

Inforpress/Fim

© www.anmcv.com - 2010
Dom DigitalProduzido por Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.