PORTO NOVO PREPARA-SE  PARA INVESTIMENTOS DE 23 MILHÕES DE EUROS NO QUADRO DO PROJETO AQUASUN, AVANÇA AUTARCA

 

 

O presidente da câmara do Porto Novo, Aníbal Fonseca, confirmou que “todas as condições estão a ser criadas” para que esses investimentos nas áreas das energias renováveis, dessalinização de água e agricultura industrial, sejam materializados, dado o seu impacto na economia santantonense.

“Estamos a criar todas as condições para que os investimentos se concretizem, pelo impacto que terão na economia de Santo Antão”, notou o autarca.

Trata-se, segundo o edil, de “um grande projeto”, estimado em 23 milhões de euros, que consistirá na realização de “importantes investimentos” nas energias renováveis e mobilização de água através da dessalinização para a agricultura industrial.

Brine Engineering Solution, com sede em Londres, tem já firmado um memorando de entendimento com o Estado de Cabo Verde e vai agora assinar com a Câmara Municipal do Porto Novo um protocolo sobre “a disponibilidade de terrenos”, explicou o edil, que disse acreditar na realização dos investimentos.

Aníbal Fonseca lembrou que as negociações entre o Governo e o grupo de investidor britânico decorrem já há um ano e meio, realçando os avanços já conseguidos até agora que permitirão, até 2019, a materialização do projeto, que deverá gerar, diretamente, 150 empregos.

Os investimentos, segundo um representante da Brine Engineering Solution, deverão estar concluídos até “meados de 2019”, com a produção anual de quase 1.500 toneladas de produtos agrícolas/ano para a exportação.

Brine Engineering Solution, empresa especializada na criação de modelos de investimentos em energia renovável, água e agroindústrias, pretende também adquirir o centro de expurgo de Santo Antão para assegurar o tratamento, transformação, certificação e comercialização dos produtos agrícolas.

 

 

FONTE: SAPONOTÍCIAS

 

 

© www.anmcv.com - 2010
Dom DigitalProduzido por Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.