Fundação Pró Dignitate assegura duas bolsas de estudo para jovens do Tarrafal

Acordo foi conseguido esta segunda-feira, 28, durante encontro realizado na capital portuguesa. A Fundação dos Direitos Humanos vai assegurar já no próximo ano letivo duas bolsas de estudo para cursos superior, em áreas inovadoras, entre elas a comunicação social.

O Presidente José Freitas de Brito assegurou esta segunda-feira, durante encontro realizado na sede da Fundação Pró Dignitate, em Lisboa, o financiamento de duas bolsas de estudo para jovens do Tarrafal, com efeito a partir do próximo ano letivo 2014/2015.

São privilegiadas áreas inovadoras, entre elas a comunicação social, e as bolsas destinam-se a jovens habilitados com o 12.º ano de escolaridade, com aproveitamento muito bom. Com este apoio, a Pró Dignitate amplia a sua relação com o Tarrafal, iniciada no ano passado com o seu apoio financeiro para a realização da semana da comunicação social, que reuniu em São Nicolau profissionais de vários países, nomeadamente, Portugal, Estados Unidos, Guiné-Bissau, Moçambique e África do Sul e que contou com excelente participação de jovens do Concelho.

As duas bolsas totalizam um apoio financeiro na ordem dos 800 euros/mês, 100 por cento suportados pela Fundação Pró Diginitate.

O Presidente José Freitas de Brito reuniu-se a meio da manhã, em Lisboa, com o Secretário-geral da Fundação, António Pacheco – a Presidente Maria Barroso esteve ausente em Roma, na cerimónia de santificação dos papas João XXIII e João Paulo II – e para além do apoio para a formação superior assegurou apoio da Fundação em material para o apetrecho da biblioteca municipal do Tarrafal.

Ainda sobre a formação, a Pró Dignitate está disponível para promover uma formação de longa duração em jornalismo de paz e desenvolvimento, na esteira do que aconteceu durante a semana da comunicação social.

© www.anmcv.com - 2010
Dom DigitalProduzido por Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.