Canárias ajuda Cidade da Praia no tratamento dos resíduos sólidos

A questão do tratamento dos resíduos sólidos urbanos esteve em análise terça-feira na cidade da Praia, durante um encontro entre a Câmara Municipal da Praia (CMP) e uma delegação das Canárias que se encontra de visita a Cabo Verde.

A elaboração de um plano director de gestão de resíduos sólidos e a montagem de um sistema de informação relativamente a esta matéria foram entre outros assuntos discutidos durante este encontro, informou o presidente da CMP, Ulisses Correia e Silva no final da reunião.

“Estivemos a conversar e a definir um quadro de relacionamento e de interesse que possam permitir dotar o município de um plano director que crie todo uma cadeia de valor e oportunidades para gerar negócios de privados, nomeadamente no aproveitamento e valorização dos resíduos sólidos urbanos”, realçou Ulisses Correia e Silva.

O plano director de gestão de resíduos sólidos é, segundo o autarca, “fundamental para criar as condições de oportunidades de desenvolvimento desta cadeia de valor”, que vai “desde a recolha do lixo, a valorização, o aproveitamento e eventualmente a exportação”.

“Muitos resíduos sólidos são compostos de materiais recicláveis e podem retornar a produção, gerando riquezas e emprego no país”, frisou.

O presidente da CMP disse também que “há fortes possibilidades” da CMP e o Governo das Canárias virem a cooperar no domínio da assistência e apoio na área da educação ambiental, quer na produção de conteúdo, quer na disponibilização de material didáctico.

A vice conselheira para o Ambiente do Governo das Canárias, Guacimara Medina Perez, por sua vez, disse que o Governo das Canárias vai transmitir toda a sua experiência no domínio da gestão e no aproveitamento de resíduos sólidos para a CMP.

“Vamos tentar transmitir os avanços das Canárias na gestão dos resíduos sólidos urbanos de competência municipal e também oferecer basicamente uma ferramenta técnica de análise dos tipos de resíduos em Cabo Verde e qual é o desenvolvimento final para a sua valorização”, salientou Guacimara Medina Perez.

Na ocasião, Guacimara Medina Perez realçou ainda a predisposição manifestada pelo edil praiense em cooperar com as Canárias no domínio da educação ambiental, de modo a sensibilizar e consciencializar a população para a mudança de determinados comportamentos em relação ao ambiente.

© www.anmcv.com - 2010
Dom DigitalProduzido por Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.