Câmara Municipal e ADEI promovem Concurso de Ideias

O vencedor será premiado com 500 mil escudos. Um incentivo da Câmara Municipal e parceiros para a constituição do capital social da empresa. O prémio “Ami ê Empreendedor” será atribuído de dois em dois anos. Foi um dos temas da 13ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal, que aprovou o seu regulamento.

A Câmara Municipal dos Mosteiros e a Agência para o Desenvolvimento Empresarial (ADEI) e Inovação realizam o primeiro Concurso de ideias destinado a potencializar o empreendedorismo e o espírito de inovação, premiando e valorizando jovens empreendedores, com ideias inovadoras e potencial de desenvolvimento.

De acordo com a Câmara Municipal, a realização deste concurso enquadra-se nas políticas da edilidade que visam a promoção da competitividade e do desenvolvimento de micro, pequenas e médias empresas e do emprego sustentável.

Elegibilidade

Poderão candidatar-se ao prémio “Ami ê empreendedor” todos os jovens do município dos Mosteiros que pretendem investir no município, promotores de ideias de criação de empresas com características inovadoras e exequíveis, tendo em conta as oportunidades e as necessidades de investimentos local.

De fora ficam pessoas pertencentes aos quadros de pessoal e cargos dirigentes das instituições promotoras, assim como projectos que já beneficiaram de outros prémios ou incentivos.

Condições

O Prémio “Ami ê empreendedor” tem uma periodicidade bianual. A ideia apresentada deverá ser implementada no município dos Mosteiros. Uma forma de contribuir para a geração de emprego sustentável e qualificado, potenciando o desenvolvimento social e económico do concelho.

O concorrente deverá apresentar a ideia de criação de uma empresa, devidamente estruturada e fundamentada, através do preenchimento de uma ficha de candidatura, que será disponibilizada logo após a formalização da abertura do concurso.

Prémios

As 2 (duas) melhores ideias seleccionadas têm direito ao apoio na elaboração do Plano de Negócio e direito de ser acompanhado por um consultor experiente indicado pela ADEI.

Ao primeiro classificado será atribuído um montante em dinheiro no valor de 500 000 (quinhentos mil) escudos. Ele terá acesso a instrumentos de apoio financeiro e infra-estrutural, através dos Centros de Incubação, Sistemas de Apoio a Jovens Empresários e outras fontes de financiamento e contará com apoio para divulgação do seu projecto.

A data de lançamento do concurso, a definir, será anunciada oportunamente.

© www.anmcv.com - 2010
Dom DigitalProduzido por Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.